quinta-feira, 21 de julho de 2016

Plutão e suas novidades


Um ano depois | As 10 maiores descobertas da New Horizons em Plutão

Vamos mostrar o que a NASA já descobriu sobre o planeta-anão

Onde você estava no dia 14 de julho de 2015?

Plutão e sua atmosfera azul (Foto: Divulgação)Plutão e sua atmosfera azul (Foto: Divulgação)

A três bilhões de milhas da Terra, a sonda New Horizons da NASA, movendo-se a uma velocidade que a faria ir de Nova York a Los Angeles, em cerca de quatro minutos, estava apontando câmeras, espectrômetros, e outros sensores para Plutão e suas luas - mundos distantes que a humanidade nunca tinha visto de perto - tirando as centenas de fotografias e outros dados que mudariam para sempre a nossa visão do Sistema Solar exterior.

"A New Horizons não apenas concluiu esse primeiro reconhecimento dos planetas, a missão tem intrigado e inspirado. Quem diria que Plutão teria um coração?" Disse o Diretor de Ciência Planetária Jim Green, da NASA. "Ainda hoje, a New Horizons captura nossa imaginação, reacende a nossa curiosidade, e nos lembra o que é possível."

Dizer que New Horizons sacudiu os alicerces da ciência planetária é um eufemismo. Descobertas já foram extraídas da lista das fotos e das leituras de ambiente não só em Plutão, mas dá dicas do que esperamos encontrar que os cientistas examinam outros mundos no Cinturão de Kuiper. O investigador científico Alan Stern, do Instituto de Pesquisa Southwest, em Boulder, Colorado, lista as descobertas mais surpreendentes da missão até Pluto (até agora):

• A complexidade de Plutão e seus satélites é muito maior do que esperávamos.
• O grau de atividade atual na superfície de Plutão e a juventude de alguns planos em Plutão é simplesmente espantosa.
• As taxas de fuga atmosférica são menores do que o previsto em todos os modelos já feitos.
• O enorme cinto tectônico equatorial de Charon aponta para o congelamento de um antigo oceano de água no passado distante. Outra evidência encontrada pela New Horizons indica que Pluto poderia muito bem ter um oceano de água congelada interna hoje.
• Todas as luas de Plutão, que podem ser datadas têm a mesma idade, dando margem a teoria de que eles foram formados juntos em uma única colisão entre Plutão e outro planeta no Cinturão de Kuiper há muito tempo.
• A calota polar vermelha e escura de Charon é sem precedentes no sistema solar e pode ser o resultado de gases atmosféricos que escaparam de Plutão e, em seguida, ficaram acumuldaos sobre a superfície de Caronte.
• A grande geleira de 1.000 quilômetros de largura em forma de coração composta por nitrogênio de Plutão (informalmente chamada Sputnik Planum) que a New Horizons descobriu é a maior geleira conhecida no sistema solar.
• Plutão mostra evidências de grandes mudanças na pressão atmosférica e, possivelmente, a presença passada de correntes líquidas ou água estagnada em sua superfície - algo que só pode visto em outros lugares na Terra, Marte e na lua de Saturno Titã em nosso sistema solar.
• A falta de satélites adicionais em Plutão, além dos que foram descobertos antes da New Horizons chegar foi uma surpresa inesperada.
• A atmosfera de Plutão é azul. Quem sabia?

"É estranho pensar que há apenas um ano, nós ainda não tínhamos ideia real de como era o sistema de Plutão", disse Hal Weaver, cientista da New Horizons. "Mas não demorou muito para nós percebermos que Plutão era algo especial, e nada do que jamais poderíamos ter esperado. Estamos surpreendidos pela beleza e complexidade de Plutão e suas luas e estamos animados sobre as descobertas ainda estão por vir".

A ova etapa da viagem da New Horizons (Foto: Divulgação)A ova etapa da viagem da New Horizons (Foto: Divulgação)

A New Horizons está agora há quase 480 milhões de quilômetros além de Plutão, acelerando para seu próximo destino mais fundo no Cinturão de Kuiper, após a aprovação da NASA de uma missão prolongada. Cerca de 80% dos dados armazenados nos gravadores da nave espacial já foram enviados para a Terra, a transmissão do restante será concluída em outubro.

O que mais te surpreendeu em Plutão?








Fonte:
http://syfy.globo.com/programas/radar-syfy/materias/um-ano-depois-as-10-maiores-descobertas-da-new-horizons-em-plutao.html

terça-feira, 26 de janeiro de 2016